Fui sua inquilina durante 6 meses. Aluguei um quarto em sua casa. Excelente casa, confortável, clara e muito bem localizada. Falávamos pouco. Desde o começo falei que era ruim o meu inglês. Isso não nos impediu de trocarmos mensagens. Com o meu jeito de transformar os lugares onde moro, arrumei o jardim, recuperei o tampo […]

Sobrevivi quando nasci,Sobrevivi na adolescência, após tantos desafios,Sobrevivi a um acidente,Sobrevivi aos relacionamentos turbulentos,Sobrevivi à doença do pânico pelas perdas,Sobrevivi a falta de grana,Sobrevivi a tanta preocupação na gravidez aos 45 anos,Sobrevivi ao tratamento de câncer de mama durante a pandemia e, agora, sobrevivi na noite do ciclone… Hajam vidas! Que venham mais desafios!

Engoliu o choro junto com o arroz acompanhado do feijão a seco. Precisava engolir a raiva antes de acabar a refeição e voltar para a reunião. A raiva não descia. Tomou suco de laranja, goles largos. Ufa! A raiva foi junto, engoliu. A sensação de injustiça também precisava ir embora, comeu pudim seu doce favorito. […]

Colocou a mesa…e tinha extrato de framboesa, estrelas  e um bocado de pão. Nos cabelos, uma flor intensa. Os ombros quase nus e a delicadeza. Mordeu os lábios, deitou os seios no aroma doce. Colocou os pratos. Descalça e ligeiramente amanteigada. Desalinhos fáceis. Cílios de amoras, horas descongeladas. Vinho tinto nos dedos. Deixou os medos, […]

Finalmente me sinto inteiramente euUnhas vermelhasMostram minha força e determinaçãoQue eu sou mulherQue eu não tenho medoCabelos roxosEu me destaco na multidãoSimEu sou única e especialAquele anelMesmo sendo forte e independenteEu sou capaz de dar e receber amorMuito amorDe ser amada incondicionalmente De não ter medo que todo mundo saibaEu sou uma menina apaixonadaPor aquele […]

Quando lançamos a série de textos sobre relacionamentos abusivos, não imaginava o quanto isso era muito mais comum do que eu pensava. Essa discussão se estendeu por mais tempo do que o previsto inicialmente, mas foi necessário, porque muitas vozes precisavam falar. Vozes que me procuraram e que por sentir que eu estava disposta a […]

Quando eu tinha uns 7, 8 anos, muito feliz nas férias, num dia de piscina com parentes… um deles muito querido e muito mais velho do que eu, começou no meio das brincadeiras passar as mãos em mim! Sem cerimônia, com naturalidade na frente de todos… me enganchava na cintura e forçava minha genital nele! […]

Nossos patrocinadores