O silenciar da alma me agita, onde para alguns isso é algo de reflexão, para mim olhar para si mesmo é algo novo a se descobrir, pois sempre estou em movimento em busca de algo novo para preencher esse vazio que inquieta o lado esquerdo do peito.

Cessar esse buraco leva tempo, pois temos que preencher com bons momentos e pessoas.

O lado bom do aprendizado é que com os erros passados tentamos de alguma forma não cometê-los novamente. É como uma memória que fica e sempre que voltamos para repensar se escolhemos faze-lá de novo ou não. É uma escolha necessária pois para evoluir devemos de alguma maneira optar por aquilo que nos faz bem. Para fazer algo que supere as expectativas devemos de algum jeito INOVAR. O novo assusta e as vezes paralisa é como um beco sem saída, mas basta surgir uma ideia que aquilo se ilumina.

Brilhar é fácil mas sustentar esse brilho precisa de muito esforço e sacrifício que nos dias atuais só olhamos para nós mesmos sem conseguir enxergar o outro. Não deixe essa LUZ se apagar pois quando isso acontecer não teremos forças necessárias para acendê-la novamente.

Giovanna Finatti Domingo Bela Urbana, é bem tímida, não consegue às vezes se expressar bem em palavras, mas a escrita a fez evoluir muito. Amo animais e não vive sem o seu cachorro, o Flocks.

Comentários

comments