Contos

Ela era dessas pessoas confusas. Confusas e centradas. Coisas dúbias em uma só pessoa e talvez isso fosse o que a tornava mais interessante. André era apaixonado por ela, dizia isso. Ela gostava dele, já foi também apaixonada, mas hoje já não mais. A paixão secou, como água da torneira da sua cozinha por culpa […]

Fui publicitário, diretor de arte e criação por 46 anos e há 4 deixei a profissão pra me dedicar exclusivamente para a pintura, o que desde meus 13 anos eu já fazia profissionalmente, paralelo ao meu trabalho na publicidade e propaganda. Sentia que deixaria toda a cobrança dos tais clientes e agências. Cobranças essas de […]

Fico aqui pensando se não seria melhor não saber desenhar ou não saber pintar. Talvez eu ficasse mais livre pra desenhar e pintar, talvez eu criasse mais, igual uma criança, sem dogmas, sem preconceitos, sem frescuras, sem direção, sem um rumo determinado, desenharia e pronto. Pintaria sem estilo, sem técnica, sem certo ou errado, como […]

Preciso ler minha poesias vazias, notícias de jornal, revista de fofocas, livros de suspense e ver novelas na TV. Preciso fazer as unhas do pé, tirar fora o esmalte velho e deixar aparecer a cor que se é. Não dar importância para os ruídos nas portas, pingos do chuveiros que teimam em não parar e […]

Olhinhos grandes. Ela tinha. Os olhos bem grandes mesmo sendo pequenininha. Era arteira. Os olhos grandes brilhavam quando viam brigadeiros, pudim, sorvete, chocolate. A boca salivava, as mãos escondidas escorregavam para perto dos doces. A casa era pequena, mas aos olhos dela era grande, chique e cheirava doce. A mãe e a vó eram doceiras, tiravam […]

Lembro de minha tia Ada dizendo sobre minha infância, basicamente quando eu nem andava e já trazia traços da arte comigo. Dizia ela que me colocava no chão, bem em cima de um pequeno tapete onde pudesse me olhar enquanto costurava, e com um lápis nas mãos eu passava horas desenhando pelo chão, em volta […]

Poderia eu escrever sobre hoje, ontem ou há quase 60 anos, daria na mesma. Continuo sendo aquela criança que gosta de brincar, correr, rir, xingar, amar, brigar, descobrir, desenhar, pintar, criar… A mesma que adora refrigerantes e chocolate, claro, hoje com um pouco de álcool. Não mudei muito, apenas continuo um adolescente, mas experiente em […]

Escrever sobre o que se quer não é tarefa fácil, faz pensar nos meus sonhos e trazê-los para um lugar mais concreto, faz pensar também no meu dia a dia,  o que me incomoda e quero mudar, o que preciso consertar, onde preciso estar mais. Me faz pensar também nas minhas relações, com quem preciso […]

Combinei com minha amiga que escreverá a história da minha vida como artista, mas como começar?  Qual trecho seria interessante pra esse começo além do nascimento?  Começar é igual uma tela em branco, sempre difícil e assustadora para muitos, ou uma fantástica aventura, um desafio, uma nova possibilidade para tantos outros. Pra mim por exemplo… […]

Todas as manhãs tem café naquela casa. Muitas vezes toma sozinha. Algumas vezes acompanhada. Café quente, pão na chapa. As vezes café com leite. Feito na cafeteira elétrica. Uma quantidade generosa. Toma sempre três xícaras ou mais. Café forte. Forte como devemos ser. Nem doce, nem amargo. Só que naquela manhã, o café, acabou. Adriana […]