Finalmente me sinto inteiramente eu
Unhas vermelhas
Mostram minha força e determinação
Que eu sou mulher
Que eu não tenho medo
Cabelos roxos
Eu me destaco na multidão
Sim
Eu sou única e especial
Aquele anel
Mesmo sendo forte e independente
Eu sou capaz de dar e receber amor
Muito amor
De ser amada incondicionalmente
De não ter medo que todo mundo saiba
Eu sou uma menina apaixonada
Por aquele menino
Pelas pessoas
Pelo amor
Pela vida
E ainda o aparelho nos dentes
Apesar de tudo
Com minhas falhas e defeitos
Que me fazem ser eu.

Giulia Giacomello Pompilio – Bela Urbana, estudante de engenharia mecânica da UNICAMP, participa de grupos ativistas e feministas da faculdade, como o Engenheiras que Resistem. Fluente em 4 idiomas. Gosta de escrever poemas, contos e textos curtos, jogar tênis, aprender novos instrumentos e dançar sapateado. Foi premiada em olimpíadas e concursos nacionais e internacionais de matemática, programação, astronomia e física, além de ter um prêmio em uma simulação oficial da ONU.

Comentários

comments