Saudades de quando o tempo era leve
Os amores breves
Os sorrisos fáceis

Saudades do que fui
Do que planejei ser
Do que me tornei, mas não sou mais

Saudades…

sem idades

sem liberdades

sem cidades

Saudades de não ter saudades…

Adriana Chebabi e Adriana Rebouças – Belas Urbanas. De colegas na época da faculdade a amigas na fase atual da vida. As afinidades vão além do mesmo nome, estão nos pensamentos, na percepção e colocação nesse mundo, as conversas voam longe e se traduzem em lindas expressões artísticas, seja nos versos ou nos sabores. A vida é um presente e reconhecer pessoas com a mesma sintonia é algo melhor ainda.

Comentários

comments